• Nathalia Galletti

Chega de papel, a admissão digital veio pra ficar!

Atualizado: Fev 1

Desde pequenos estudamos e ouvimos muitas histórias sobre os avanços da ciência e da sociedade. São as mais diversas, desde a invenção da lâmpada até a ida do primeiro homem ao espaço.

Eu consigo me lembrar sem esforço nenhum de várias que cruzaram a minha vida até aqui: a substituição do mimeógrafo pela fotocopiadora, o primeiro computador (enooorme, tela em preto e branco, sistema DOS), walkmans, CD’s, DVD’s, videogames, o primeiro celular (que sem dúvida pesava quase 1Kg), a web e seu barulhinho famoso para conectar, smartphones, streaming de todos os tipos (mesmo!) e até smart watch... Nossa são tantas que poderia passar horas lembrando de muitas situações divertidas.

É surreal imaginar que nossos avós têm mais informação hoje na palma de suas mãos do que alguns presidentes e pessoas influentes de sua época tiveram em toda sua vida. É claro que a vinda de algo novo traz um misto de medo e curiosidade. Traz também aquela sensação de que não precisamos daquilo, até conhecermos e depois nem lembrarmos de como vivíamos de outra forma antes.

E é exatamente assim que nós estamos nos sentindo com a transformação digital batendo à porta das nossas Empresas. Mas vamos concordar que imaginar uma transformação digital no RH nos dias de hoje é bem mais fácil do que um homem ir à lua a tempos atrás! E é sobre o processo de admissão digital que quero conversar com você ao longo desse artigo.

Vamos imaginar uma cena cotidiana que ainda deve estar bem atual no fluxo de muitos RH’s por aí: R&S finaliza o processo e encaminha o candidato para a área responsável pela admissão e é aí que nesse momento temos duas situações. Ou o candidato precisa se deslocar até a Empresa para a entrega de documentos (nesse vai e vem que se der certo na primeira tentativa, ótimo! Mas quase nunca dá...) ou inicia aquela troca infinita de e-mails, documentos que ficam pendentes, informações que se perdem no meio do processo, pilhas e mais pilhas de papéis impressos e documentos confidenciais que muitas vezes ficam esquecidos na impressora... Ufa, cansa só de imaginar, não é?

Já parou pra pensar em quanto tempo é gasto com uma admissão realizada nesse modelo? Sabia que 93% do tempo do RH é gasto com tarefas repetitivas? Sim, o modelo tradicional não é prático e traz consequências complicadas para ser mantido por muito tempo, como:

  • É um processo longo e passível de erros;

  • Exige uma infraestrutura maior para armazenar papéis (como um arquivo) e mais tempo quando é preciso conferir ou localizar algum documento do candidato;

  • Toma o tempo do seu profissional com tarefas operacionais e repetitivas, quando esse mesmo tempo poderia ser utilizado para tarefas mais desafiadoras e estratégicas;

  • E o pior! Quando o processo não é bem conduzido, o novo colaborador entra na Empresa com uma sensação de desorganização, já iniciando sua jornada com uma imagem ruim.

  • É justamente nesse ponto que a admissão digital pode ajudar a sua Empresa, desburocratizando e otimizando o processo, contribuindo para a valorização estratégica dos profissionais de RH e melhorando a experiência do colaborador.

E ainda, se os pontos levantados acima ainda não te convenceram, te dou mais um: a LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados). Com ela as Empresas precisam comprovar a relevância das informações solicitadas, informar aos candidatos e solicitar autorização a eles para acesso à essas informações, além de assegurar a proteção ao acesso a esses dados e documentos.

E você deve estar se perguntando: tá, mas o que é admissão digital? É um processo bem simples, realizado através de uma Plataforma que permite que o candidato envie os documentos necessários de maneira digital. Uma maneira totalmente integrada onde a área de R&S finaliza o processo e já notifica à área de admissão, que inclui o candidato na Plataforma, a partir daí é só felicidade! O candidato insere os documentos, a plataforma valida os dados automaticamente, RH aprova tudo num clique, e tudo vai direto para o sistema de folha de pagamento, sem digitação!

Sem dúvidas, um processo de admissão digital bem feito aumenta o valor da sua Empresa. Já imaginou você sendo um candidato e não precisando mais sair de casa para tirar milhões de cópias, tendo que se deslocar diversas vezes até a Empresa ou trocando e-mails que não terminam? Sendo possível enviar seus documentos diretamente do seu celular? Eu não sei você, mas eu gostaria de ser admitida em uma Empresa assim!

Listo abaixo algumas vantagens da admissão digital:

Processo mais ágil

Aqui não é só do dia a dia que estamos falando, mas também do valor que contratações mais rápidas geram e da retenção do candidato. Processos mais lentos acabam desmotivando os profissionais e abrem espaço para a concorrência.

Redução com desperdício de papel

2021 está aí e se sustentabilidade não faz parte da sua preocupação diária você está ficando para trás. Por dois motivos: profissionais mais engajados admiram e procuram cada vez mais Empresas que pensam nos impactos ambientais. Além disso o custo que se tem com uma quantidade maior de impressões e manuseio de papel é muito maior.

Mais tempo para ações estratégicas

Com a admissão digital vai sobrar tempo para sua equipe pensar no que realmente importa! Temas como bem-estar no trabalho ganham cada vez mais força e é uma ótima ideia para ocupar esse espaço.

Uma experiência inovadora para o candidato

Imagem de RH/Empresa desorganizados? Não mais! Surpreenda seus novos colaboradores com uma admissão sem complicações, intuitiva e encantadora!

Só vejo vantagens e você?

Ficou curioso nessa modernidade? Vem conversar com a gente! A Hrestart oferece uma Plataforma completa para transformar sua admissão.

A autora Nathalia Galletti é Customer Success na Hrestart